skip to Main Content
Você Sabia Que Star Wars Também Pode Nos Ensinar Muito Sobre Empreendedorismo?

Você sabia que Star Wars também pode nos ensinar muito sobre empreendedorismo?

Para muitas pessoas, Star Wars não é apenas uma franquia de filmes, mas praticamente um modo de vida. Pensando nisso, vamos identificar a seguir lições importantes que podemos aprender com os filmes e que podem ser aplicadas ao nosso dia-a-dia

Lançado nos Estados Unidos em 1977 por George Lucas, o primeiro filme de Star Wars conquistou uma legião de fãs no mundo todo ao unir elementos de antigas histórias de samurai e de velho-oeste com a modernidade da ficção científica tão popular na época da corrida espacial. De lá pra cá, décadas após a obra original, Star Wars é uma das franquias de filmes mais lucrativas do mundo, tendo faturado mais de 10 bilhões de dólares só em bilheteria.

Hoje, existe uma variedade de produtos de Star Wars a serem consumidos pelo público (filmes, spin-offs, séries de tv, animações, curtas, dentre outros). No entanto, é a trilogia clássica que possui um lugar especial no coração saudosista da maioria dos fãs. Muitos dos empresários de hoje foram moldados pelos ensinamentos de Obi Wan Kenobi, Luke Skywalker e companhia, crescendo e aprendendo os “caminhos da força” que ajudariam a formar suas personalidades.

Para muitas pessoas, Star Wars não é apenas uma franquia de filmes, mas praticamente um modo de vida. Pensando nisso, vamos identificar a seguir lições importantes que podemos aprender com os filmes da trilogia clássica e que podem ser aplicadas ao nosso dia-a-dia como empreendedores.

Uma Nova Esperança – “Saia da sua zona de conforto”

Luke Skywalker vivia uma vida pacata e muito confortável trabalhando na fazenda do seu tio Owen, no planeta de Tatooine. Mesmo após os seus tios terem sido assassinados pelos Stormtroopers, o jovem poderia muito bem continuar no negócio da família e não se envolver com todo o conflito entre a Aliança Rebelde e o Império Galático.

Entretanto, saindo de sua zona de conforto, Luke arrisca e aceita o convite de Obi Wan e o segue em uma aventura para resgatar a princesa Leia e treinar para se tornar um cavaleiro Jedi. Sem esse pequeno (porém importante) passo, a história teria sido totalmente diferente e a opressão do Império continuaria reinando sobre toda a galáxia.

A jornada de Luke é semelhante à de muitos empreendedores. Quando você inicia um negócio novo, muitas vezes é preciso sair da sua zona de conforto e se aventurar no desconhecido. Tentar coisas novas, olhar para os problemas sob uma perspectiva diferente pode fazer enxergar oportunidades que estavam ocultas.

Em tempos de pandemia, por exemplo, muitos empresários se reinventaram para se adequar a essa nova realidade. Restaurantes passaram a investir em sistemas de Delivery, instituições de ensino trabalharam com ferramentas de Educação a Distância e comércios em geral começaram a olhar de forma mais assertiva para o e-commerce. Quem não se adequou e ficou apenas no “território conhecido” acabou fechando as portas.

O Império Contra-Ataca – “Faça ou não faça, tentativa não há”

Escolhi essa frase emblemática do Mestre Yoda para representar o principal ensinamento empresarial desse que é, na opinião de muitos fãs e críticos de cinema, o melhor de todos os filmes da saga.

Ao perceber que Luke não estava confiando plenamente no seu treinamento Jedi, Yoda o ensina que, se for para fazer algo, se deve fazer com total dedicação, dando tudo de si para alcançar o sucesso. Tentar algo já achando, desde o começo, que vai fracassar pode acabar levando de fato ao fracasso. Citando mais uma vez o nosso mestre favorito, “faça ou não faça, tentativa não há”.

É claro que essa frase não pode ser interpretada literalmente, afinal de contas, para fazer algo nós precisamos antes tentar (às vezes mais de uma vez), imprevistos acontecem e devemos estar preparados para eles. No entanto, cada tentativa deve ser feita com positividade e objetivando o sucesso.

Essa determinação faz muita diferença no mundo dos negócios. Como consultor, já presenciei vários empresários que tinham uma ideia boa, com estratégias bem definidas, mas que acabavam desistindo no meio, ao encontrar a primeira adversidade. Portanto, não tente empreender, empreenda de verdade!

O Retorno de Jedi – “Confie nos seus instintos”

No último filme da trilogia clássica, encerra-se a jornada do herói e os membros da Aliança Rebelde conseguem finalmente derrotar o Imperador e destruir o maléfico Império Galáctico. No entanto, a equipe do bem tem uma ajuda inusitada ao final do filme. Darth Vader, que, até então, tinha sido o principal vilão da saga, volta para o lado bom da Força e ajuda o seu filho Luke na batalha final.

É um momento muito bonito de redenção do personagem, o qual deixou todos os fãs de Star Wars emocionados. Além de ser uma das cenas mais marcantes do cinema, essa reviravolta nos trás outra lição importante: confiar nos seus instintos.

Durante todo o filme, Luke afirma que iria conseguir trazer o seu pai, Anakin Skywalker, agora conhecido como Darth Vader, de volta para o lado da luz. Mesmo com muitas pessoas convencidas de que o braço direito do Imperador não tinha mais volta e seria para sempre um vilão, Luke confiou nos seus instintos e despertou novamente a bondade em Vader.

No mundo dos negócios, embora seja sempre bom ouvir os conselhos de outras pessoas para formar a sua própria opinião e montar a sua estratégia, no final das contas, é muito importante confiar nos seus instintos.

Não são poucos os casos de empreendedores que contam em suas biografias como foram desencorajados e desacreditados pelas pessoas ao seu redor. Na nossa vida, existem muitos amigos e colegas que atrapalham muito mais do que ajudam. O ser humano tende a ser acomodado por natureza e ver alguém tentar algo novo assusta.

Portanto, ainda que seja sempre necessário estudar e planejar muito, confie nos seus instintos! Ninguém conhece a sua empresa e o seu negócio melhor do que você mesmo.

Um número incontável de empreendedores cresceu assistindo Star Wars e se imaginando naquela galáxia muito, muito distante. Ainda que de maneira inconsciente, esses gestores de hoje tiveram as suas mentes moldadas pelos personagens criados por George Lucas.

Hoje, Star Wars é uma propriedade intelectual da Disney e, aparentemente, ainda teremos muitas histórias nessa saga (afinal de contas, a empresa do Mickey precisa recuperar o investimento de 4 bilhões de dólares). Vamos torcer para que os fãs de hoje, nossos futuros empresários, também absorvam lições valiosas como essa. Que a Força esteja com todos nós!

Fonte: Contábeis

PRESSIONE AQUI AGORA MESMO E FALE JÁ CONOSCO PARA MAIS INFORMAÇÕES!

Ainda possui alguma dúvida? Que tal entrar em contato com a CCR Contabilidade?

Somos uma Empresa Contábil de Porto Alegre – RS, especialistas no seu negócio para ajudá-lo.

Será um prazer conversar!

Acesse nosso Facebook: @ccrcontabilidade

Sucesso e até logo.

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!

    Rate this post

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Recomendado só para você!
    Obrigação deve ser enviada até 28 fevereiro por empresas e…
    Back To Top